Currículo | Os melhores já estão empregados

currículo_os_melhoresCom o aquecimento do mercado de trabalho podemos notar um novo paradigma na relação entre profissionais e empresas. Há algum tempo faziam fila na porta das empresas, que por sua vez enfrentavam dificuldades em escolher dentre tantas opções e poucas vagas.

Hoje, as empresas, independentemente de seu tamanho e nacionalidade, estão com as portas abertas para os profissionais altamente qualificados.

Podemos dizer que houve uma inversão da realidade, antes com poucas vagas e muitos candidatos, e hoje com mais vagas do que candidatos.

, com boas remunerações e satisfeitos. Salvo raras exceções, currículos com excelentes formações, fluência em um ou mais idiomas, experiências estáveis e intercâmbios culturais estão empregados no mercado e, em sua maioria, em excelentes posições e com promessas de crescimento profissional nas companhias onde trabalham.

Esta nova realidade exige que as empresas entendam que a buscar uma nova oportunidade.

Com o maior grau de exigência e critérios por parte dos candidatos, situações como deixar o profissional aguardando horas na sala de espera por uma entrevista ou não enviar respostas àqueles que foram reprovados em um processo seletivo, além de desestimular os que já estão satisfeitos em suas atuais colocações e ainda assim participem de seleções também mancham a imagem das empresas com oportunidades no mercado.

Por um lado, o grande desafio das empresas inseridas no cenário do “aquecimento” atual é conseguir compreender o que realmente motiva um bom profissional em uma mudança de carreira. Novos desafios, plano de carreira, trabalho em equipe ou gestão de pessoas, estão dentre as motivações atuais que vão muito além da remuneração ou da localização do trabalho. Por outro lado, ou a mão de obra brasileira se especializa ou apenas os bons currículos, cada vez mais escassos em relação à quantidade de vagas, continuarão tirando o sono dos lideres de RH.

Ana Carolina Czapla Affonso é especialista de recrutamento da Divisão de Engenharia da Robert Half.

Call to Action Caminhando Junto

feedSe você gostou do artigo, envie para um amigo ou parceiro de negócios. E para receber as atualizações basta assinar o Feed do Caminhando Junto,seguir pelo Twitter ou cadastrar seu e-mail, o serviço é totalmente gratuito.


Este artigo pertence ao Caminhando Junto Blog.
Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.