29% dos mineiros estão empreendendo

51% dos empreendedores mineiros são mulheresMinas Gerais tem cerca de 3,6 milhões de empreendedores em estágio inicial – com até três anos – ou já estabelecidos em suas atividades, o equivalente a 10% da população empreendedora do Brasil e a 29% da população de 18 a 64 anos de Minas Gerais. É o que aponta a , realizada pelo Sebrae Minas, em parceria com o Instituto Brasileiro da Qualidade e Produtividade (IBQP). Esta é a primeira vez que a pesquisa GEM, realizada em âmbito mundial, é feita no contexto de um estado.

A Taxa Total de Empreendedorismo (TTE) – 29% da população de 18 a 64 anos – está bem próxima à do Brasil (30,2%) e expressivamente superior à média do conjunto dos 67 países onde a GEM é realizada (20,6%). Em contrapartida, a Taxa de Empreendedores Iniciais (TEA), principal componente da TTE, alcançou 17,4% em 2012. Esta taxa é superior à observada no Brasil, de 15,4%.

. Elas correspondem a 71% do total de empreendedores iniciais do estado. Já os que empreendem por necessidade representam cinco em cada 100 pessoas ou 29% dos empreendedores iniciais.

A pesquisa mostra maior diversificação das atividades econômicas dos empreendedores por oportunidade em relação aos que empreendem por necessidade. Onze atividades concentram 52% dos empreendedores mineiros por oportunidade, enquanto somente oito abarcam 65,5% daqueles que empreendem por necessidade.

 Empreender por oportunidade

Sonho do próprio negócio

O GEM-Minas mostra que mais de 90% dos mineiros de 18 a 64 anos cogitam iniciar o próprio negócio como opção de carreira, e 40% sonham com essa possibilidade.

Além do desejo de empreender, 52% dos mineiros entre 18 e 64 anos percebem boas oportunidades para começar um negócio na região em que vivem. Nesse aspecto, que se assemelha ao percentual registrado pela GEM no Brasil, fica evidente o otimismo da população em relação à economia, e à própria capacidade de empreender e ter sucesso nos negócios.

O Sebrae Minas realizou o recorte estadual da pesquisa GEM para entender melhor a realidade dos empreendedores mineiros: suas motivações, os ramos de negócio mais procurados, o nível de escolaridade, renda, idade, grau de inovação e internacionalização dos empreendimentos, entre outras características de seu perfil. “Com essas informações podemos direcionar melhor as estratégias de atendimento a esses grupos”, explica Fábio Veras, diretor de Operações da instituição.

Outros dados GEM-Minas

:: Mais de 60% dos empreendedores iniciais mineiros e brasileiros têm entre 25 e 44 anos. Essa população corresponde a 1,6 milhões de empreendedores mineiros e 11,3 milhões de brasileiros.

:: Em Minas Gerais, 13,8% dos empreendedores iniciais (302 mil pessoas) são jovens de 18 a 24 anos;

:: Os empreendedores estabelecidos têm idade relativamente mais avançada do que os empreendedores iniciais. Cerca de 58% desses empreendedores, em Minas Gerais e no Brasil, apresentam idade entre 35 a 54 anos. Isso corresponde a 867 mil e 10,6 milhões de empreendedores estabelecidos, respectivamente;

:: Quase 50% dos empreendedores em Minas Gerais e no Brasil têm rendimentos inferiores a três salários mínimos;

:: Mais de 80% dos empreendedores em Minas Gerais e cerca de 94% no Brasil alcançam rendimentos de, no máximo, seis salários mínimos;

:: Em Minas Gerais, 50,7% dos empreendedores estabelecidos têm escolaridade inferior ou igual ao primeiro grau completo;

:: A proporção de mulheres empreendedoras em estágio inicial (51%) em Minas Gerais é significativamente superior a de mulheres estabelecidas nos negócios (41%). Entre os homens, essa proporção é de 49% e 59%, respectivamente.

Use o empreendedorismo para melhorar sua equipe

feedSe você gostou do artigo, envie para um amigo ou parceiro de negócios. E para receber as atualizações basta assinar o Feed do Caminhando Junto,seguir pelo Twitter ou cadastrar seu e-mail, o serviço é totalmente gratuito.


Este artigo pertence ao Caminhando Junto Blog.
Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.