7 Dicas para sair do “quase”

saia_do_quaseSua vida é do jeito que sonhou ou planejou? Para Eduardo Shinyashiki, especialista em comportamento humano e no desenvolvimento da liderança, muitas pessoas tendem a determinar sua felicidade baseada na definição e nos ideais dos outros, e não de si mesmo.

Top Blog :: Seu voto pode ajudar o Caminhando Junto a ser eleito o melhor blog da categoria Comunicação. Clique aqui para votar no Caminhando Junto 

Elas criam empecilhos para tomar as rédeas da vida e realizar sonhos: seja por medo, pela famosa rotina ou pela comodidade de não buscar transformações. E assim que acabam vivendo no “quase”: quase conseguindo uma promoção, quase emagrecendo, quase encontrando o amor de suas vidas, quase sendo felizes.

Para incentivar as pessoas a correrem atrás do que realmente desejam e saírem dessa “quase” vida, ele escreveu o livro “Transforme seus sonhos em vida – Construa o futuro que você merece”, lançado pela Editora Gente, em que fala mais sobre o que é preciso para viver efetivamente a felicidade com que se sonha.

De acordo com Eduardo, as pessoas tendem a se basear nos conceitos impostos pela sociedade. “O viver no ‘quase’ pode ocorrer por medo do fracasso, por se colocarem na posição de vítima ou por criarem filtros negativos criados a partir de vivências limitantes, em vez de visualizarem as experiências anteriores por outra perspectiva”, observa.

Ele cita também a importância de viver o presente e criar agora as raízes que consolidarão o futuro planejado a partir de seus sonhos. Mas para se chegar ao objetivo, ele traça sete fases de expansão do poder pessoal:

1.    Ouvir sua voz interior – evitar nossos diálogos internos, que mostram a autocrítica, e ficar em silêncio para conseguir perceber esse chamado e nossos desejos;
2.    Reconhecer seus sonhos e objetivos – descobrir o que se quer e focar nessa conquista, sem subestimar ou superestimar os obstáculos do caminho;
3.    Ter foco, atenção e concentração – não deixar que os desvios necessários para o caminho o tirem de seu objetivo principal;
4.    Exercitar a mente – visualizar seu objetivo para que fique fixado na mente, porém sempre se abrindo a novas maneiras de atingi-lo, que podem ser mais eficientes;
5.    Visão em ação – saber avaliar tudo que precisa ser feito para se chegar ao objetivo proposto;
6.    Comprometer-se com a mudança – utilizar seu próprio poder pessoal para realizar mudanças e transformações na sua vida;
7.    Redecidir – sempre que necessário verificar a rota e, se necessário, retomar o caminho anterior, ou mesmo criar um novo para seu objetivo.

“Este livro nos mostra que é possível viver a integração corpo-mente, equilibrar amor e razão, emoção e planejamento da própria vida, para ter foco nos sonhos e atitudes para realizá-los”, conclui Eduardo Shinyashiki.

Eduardo Shinyashiki em seu livro “Transforme seus sonhos em vida – Construa o futuro que você merece”

feedSe você gostou do artigo, envie para um amigo ou parceiro de negócios. E para receber as atualizações basta assinar o Feed do Caminhando Junto, seguir pelo Twitter ou cadastrar seu e-mail, o serviço é totalmente gratuito.

Curso de VendasQuer melhorar o desempenho de sua equipe? Precisa desenvolver os líderes na sua empresa? Conheça as palestras e workshops dos consultores Adriano Carvalho e André Lodi.


Este artigo pertence ao Caminhando Junto Blog.
Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.