Previdência Privada | O que não aparece na propaganda

aplicar_na_previdencia_privadaA previdência privada vem conquistando o brasileiro na medida que as informações a respeito vão se tornando mais acessíveis, é possível planejar um futuro mais tranquilo. Como toda propaganda é sempre muito bonita, hoje vou tratar de um item que nunca aparece nos cartazes: o capital excedente.

:: Receba os artigos direto no seu e-mail assinando gratuitamente o Feed.

Ao pesquisar o termo Capital Excedente ou Excedente Financeiro, as repostas assustam um bocado:

SUSEP – Superintendência de Seguros Privados

Excedente Financeiro: o valor positivo correspondente, ao final do último dia útil do mês, à diferença entre o valor da base de cálculo da performance financeira e o saldo da provisão matemática de benefícios a conceder (no período de diferimento) ou benefícios concedidos (no período de pagamento de benefício), conforme o caso.

FENAPREVI – Federação Nacional de Previdência Privada e Vida

Excedente financeiro: É o resultado superior à garantia mínima prevista em contrato, obtida pelo administrador do plano, no mercado financeiro. No caso dos planos tradicionais, a maioria dos planos de previdência repassa aos seus participantes uma parte deste excedente financeiro (de 50 a 80%). Os percentuais de excedentes financeiros dependem do tempo de permanência do participante no plano. No caso de resgates ou cancelamento do plano, poderão ser aplicados redutores sobre a reserva de excedente financeiro disponível.

Previdência Privada – Trocando em miúdos

Vamos imaginar que você iniciou sua previdência privada aos 30 anos e programou sua aposentadoria aos 60, foi contribuindo ao longo deste período e acumulou uma reserva de um milhão de reais. Na data programada, optou por receber seu dinheiro em forma de renda mensal vitalícia. Até aqui, tudo bem entendido, ok?

A questão é que após esta data, o seu dinheiro continuará aplicado, rendendo dividendos. E mesmo que o fundo de aplicação tenha um desempenho igual ao da poupança, ainda assim, será um valor considerável, certo? A pergunta é: quem fica com este rendimento?

Cada companhia decide e este percentual deve pesar na sua escolha. Há companhias que não dividem nada, outras repassam 60% e outras chegam aos 75%. Este dado não estará na propaganda, mas é muito importante, porque vale o que está no papel e esta informação deve constar do regulamento do plano de previdência privada.

Sou capaz de apostar que o gerente do seu banco não saberá dizer nem o que é isto, mas não se iluda, este percentual vai fazer uma tremenda diferença no dinheiro da sua aposentadoria. Então, antes de assinar qualquer plano de previdência, pergunte, esclareça todas as dúvidas, afinal, estamos falando o seu futuro.

Mas como disse lá no começo, algumas ações das seguradoras estão ajudando bastante na compreensão da previdência privada. No site Previdência Sem blá, blá, blá há alguns vídeos muito esclarecedores, como o que está logo abaixo, e você pode fazer simulações da sua previdência privada. Vale à pena conhecer.

 

feedSe você gostou do artigo, envie para um amigo ou parceiro de negócios. E para receber as atualizações basta assinar o Feed do Caminhando Junto,seguir pelo Twitter ou cadastrar seu e-mail, o serviço é totalmente gratuito.


Este artigo pertence ao Caminhando Junto Blog.
Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.