Plano Odontológico: economia e gestão num case de sucesso

exemplos_de_sucesso_em_rhOferecer um benefício ao colaborador sempre esbarra num ponto crucial: custo. O RH é sempre cobrado para oferecer melhores resultados e o custo dos benefícios não é pequeno, daí a necessidade de lidar sempre com muito critério e inteligência na gestão. Hoje compartilho com vocês um case de sucesso sobre a reformulação do plano odontológico.

:: Receba os artigos direto no seu e-mail assinando gratuitamente o Feed.

Em setembro do ano passado iniciamos o trabalho numa empresa fornecedora de insumos para construção civil com 5 unidades em 4 cidades diferentes. Quando decidiu oferecer o plano odontológico, o estudo não previu o crescimento da empresa e a cada unidade, um novo contrato foi feito visando atender as necessidades imediatas.

O resultado após algum tempo foi a manutenção de quatro contratos com três operadoras diferentes. Custos, processos operacionais e relatórios diferentes e um índice de insatisfação dos colaboradores enorme. Conclusão: dinheiro jogado fora.

Ao tomar conhecimento, a resposta óbvia foi unificar os serviços num único fornecedor. Partindo deste princípio, foram três meses analisando rede, cobertura, regras contratuais, e, claro, o custo, tudo parte da Consultoria de Benefícios. Cinco operadoras foram convidadas a participar do processo, quatro aceitaram.

Logo foi possível cruzar as informações e fazer uma análise técnica de qual o caminho a ser seguido. Mas até ai, o colaborador não teve participação alguma, e era preciso mostrar a ele o quanto a empresa também estava incomodada em oferecer um benefício que não estava dando resultado e as mudanças que aconteceriam. Afinal, o que define em muito o sucesso de um benefício é a aceitação do colaborador.

Foi então que criamos um material personalizado para a empresa, com todas as informações necessárias para o entendimento do antes e depois. Antes mesmo da contratação do plano odontológico, os funcionários ficaram sabendo tudo o que aconteceria. Os gerentes de cada unidade receberam informações detalhadas da mudança para que pudessem responder a qualquer dúvida também.

Esta ação de Comunicação Interna gerou um clima muito positivo de mudança, e os funcionários trocaram a insatisfação pela ansiedade. Os contratos anteriores tiveram o encerramento da vigência agendados para o mesmo dia, enquanto o novo benefício entrava em vigor, assim, não houve nenhum dia sem a cobertura.

Bem, e o custo? Trocamos os fornecedores, aumentamos o número de prestadores de serviço em cada cidade, melhoramos as coberturas e o benefício passa a contar com uma equipe para fazer a gestão. Isto quer dizer que o custo aumentou? Pelo contrário, a economia foi de 12,4%, no ano isto representa mais do que o valor de uma fatura mensal. Uma economia considerável e que colocou o RH em destaque na empresa.

Mais uma vez o trabalho conjunto entre o Recursos Humanos, a Consultoria de Benefícios e as operadoras proporcionou uma decisão inteligente e, o trabalho de Comunicação Interna, fez toda a diferença.

Se quiser transformar seu programa de benefícios num case de sucesso, é só entrar em contato: [email protected]

feedSe você gostou do artigo, envie para um amigo ou parceiro de negócios. E para receber as atualizações basta assinar o Feed do Caminhando Junto,seguir pelo Twitter ou cadastrar seu e-mail, o serviço é totalmente gratuito.


Este artigo pertence ao Caminhando Junto Blog.
Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.