Ética: você faz um bom vinho?

festival_de_vinhosO post de hoje é sugestão da Regiane Pinheiro, criadora do blog Divinna Inspiração, consultora da A Executiva e uma grande amiga. Mais do que uma história sobre ética, profissionalismo e atitude, ela compartilha um desafio para todos nós, você topa?

:: Receba os artigos direto no seu e-mail assinando gratuitamente o Feed. 

Nos Alpes Italianos existia um pequeno vilarejo que se dedicava ao cultivo de uvas para a produção de vinho.

Uma vez por ano, acontecia neste vilarejo uma grande festa para comemorar o sucesso da colheita. A tradição exigia que, nesta festa, cada morador do vilarejo levasse uma garrafa do seu melhor vinho, que seria colocada dentro de um grande barril, localizado na praça central do vilarejo.

Um dos moradores pensou: “Porque devo levar uma garrafa do meu mais puro vinho? Levarei água, pois no meio de tanto vinho, o meu não fará falta”. Assim pensou e assim fez.

No dia da festa, conforme o costume, todos se reuniram na praça, cada um com a sua caneca, para provar daquele vinho, cuja fama se estendia para além das fronteiras do país.

Ao abrir a torneira, um absoluto silêncio tomou conta da multidão. Do barril saiu água. “A ausência da minha parte não fará falta”: esse foi o pensamento de cada um dos produtores. barris_de_vinhos

Muitas vezes somos conduzidos a pensar que, no meio de tantas pessoas dentro da empresa, nosso trabalho não terá importância. E assim, vamos bebendo água em todas as festas. Mas quando nos omitimos, estamos impedindo que o que precisa acontecer tanto na nossa vida quanto no nosso trabalho realmente aconteça. Isso prejudica tanto a nós quanto à outras pessoas.

O egoísmo tem permeado nossos relacionamentos e nosso trabalho nos dias atuais. O que tem movido as pessoas é a seguinte pergunta: O que eu ganho com isso?

Se não houver recompensa ou uma vantagem por trás de uma ação, muitos consideram que não vale à pena agir. Por essa razão vemos empregos jogados no lixo. Talvez estejamos precisando de vinho.  

Façam para os outros o quê vocês gostariam que fizessem para vocês

Gostaria de desafiá-los a fazerem algo por alguém, mesmo que essa atitude não traga qualquer tipo de gratificação pessoal.

Se vocês plantarem, com certeza verão uma colheita. Quem planta ética, colhe dignidade. Quem planta ação, colhe resultado.  Realizar os seus sonhos não será fácil, vocês terão que se sacrificar e rever seus hábitos, pensamentos e atitudes. Por isso eu os desafio a mudar.

Topam o desafio? Então, um bom vinho para vocês!

feedSe você gostou do artigo, envie para um amigo ou parceiro de negócios. E para receber as atualizações basta assinar o Feed do Caminhando Junto,seguir pelo Twitter ou cadastrar seu e-mail, o serviço é totalmente gratuito.


Este artigo pertence ao Caminhando Junto Blog.
Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.