10 dicas para fazer seu dinheiro render

O movimento na economia brasileira, o aquecimento nas contratações e os programas de retenção de talentos e de remuneração estratégica significam na pratica mais dinheiro no bolso. Mas um grande número de brasileiros não têm traduzido este aumento no poder de consumo em prosperidade e, sim, em dívidas. Todo momento é o melhor momento para se iniciar um investimento, qualquer que seja. Será sempre melhor do que pagar o juros do cartão de crédito ou cheque especial. Confira então os principais cuidados ao investir seu dinheiro.

1 – Demora
É o maior erro de todos: deixar para amanhã o que se deve fazer hoje. Para aproveitar os efeitos dos juros sobre o dinheiro investido à longo prazo é preciso começar o quanto antes.
2 – Não estabelecer objetivos financeiros e um plano para alcançá-los
É mais fácil investir seu dinheiro quando se tem um objetivo claro. Dessa forma, é reduzida a possibilidade de sair do investimento antes do prazo estimado.
3 – Ignorar o valor do dinheiro no tempo
Os juros compostos aumentam seus ganhos. As pessoas ainda se surpreendem ao descobrirem que, economizando um pouco por mês, podem ficar milionárias.
4 – Não reconhecer o impacto da inflação
A inflação reduz o poder de compra do dinheiro através do tempo. Quem não se lembra dos anos de hiperinflação antes do Real, quando o consumidor precisava fazer compras de supermercado no mesmo dia em que recebia o salário? Ao planejar investimentos em longo prazo, considere a taxa de juros real, isto é, descontada a inflação estimada.
5 – Não ter compreensão clara sobre tributação
Impostos constituem um tema complexo. Mas vale a pena conhecer as vias legais que temos à disposição para reduzir seus efeitos nos nossos rendimentos.
6 – Tomar riscos desnecessários
Cada investidor deve conhecer seu grau de tolerância ao risco e reformular uma diversificação balanceada de sua carteira de investimentos.
7 – Proteção inadequada contra perdas imprevistas
Fazer seguro sai mais barato do que incorrer em despesas imprevistas decorrentes de catástrofes.
8 – Gastar sem controle
A falta de disciplina nos hábitos de consumo pode levar ao fracasso até o melhor dos planos financeiros.
9 – Expectativas irreais
Construir um patrimônio leva tempo. Para a maioria de nós, a vida inteira. Muitas pessoas esperam resultados rápidos e se decepcionam com os investimentos mais conservadores ou assumem riscos desnecessários e têm prejuízos irrecuperáveis.
10 – Evitar o uso de consultores profissionais
Ninguém é especialista em tudo. Quando sentimos dores, vamos ao médico. Quando precisamos consertar um eletrodoméstico, chamamos um técnico. Quando precisamos decidir nosso futuro financeiro, por que não chamamos um consultor?
Além destes 10 erros, é importante refletir sobre a importância de planejar o futuro, por isto, se deseja ter uma vida mais tranquila, sugiro estes outros artigos:

Se você gostou do artigo, envie para um amigo ou parceiro de negócios. E para receber as atualizações basta assinar o Feed do Caminhando Juntoseguir pelo Twitter ou cadastrar seu e-mail, o serviço é totalmente gratuito.

Este artigo pertence ao Caminhando Junto Blog.
Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.