Avaliação do RH – Parte 2 – Medindo o alcance das metas

A serie de artigos sobre avaliação de indicadores do RH chega às Metas

avaliação_de_metas Uma pesquisa divulgada pela INFO Exame diz que para “73% dos RHs consultados será mais difícil reter talentos em 2011”. Foram entrevistados 606 gestores de todo Brasil. Os números apenas afirmam o cenário que venho apontando desde 2009, e mostram porque seu Recursos Humanos deve estar em ponto de bala.

No artigo anterior falamos da avaliação de custos no Recursos Humanos e da importância de buscar informações seja com outros gestores ou com fornecedores sobre as novidades no mercado. Hoje vamos falar da avaliação da contribuição e motivação dos colaboradores.

Primeiro, é bom lembrar que: aquilo que não pode ser medido, não pode ser melhorado. A análise crítica das ações é importante para a correta definição de metas, mudança na rota e valorização dos acertos. Mas como quantificar as ações de motivação? Como medir algo tão intangível?

Para isto vamos usar uma fórmula simples para avaliar o resultado das ações direcionadas às equipes de trabalho. A mesma fórmula pode ser usada para determinar os resultados das ações de cada equipe da empresa

Fórmula:

quantidade total de metas alcançadas /quantidade total de metas a alcançar x 100

O resultado será um percentual de sucesso e, claro, quanto maior, melhor. Há outras maneiras de quantificar o sucesso de uma ação, quanto mais indicadores seu Recursos Humanos tiver, melhor. E lembre-se: saia na frente, não espere a diretoria pedir o relatório, divulgue antes, sem ninguém esperar e mostre que você é tão pró-ativo quanto sua equipe.

E tenha sempre ao seu lado, fornecedores que compartilhem a idéia de transparência e comprometimento com o seu RH.

No próximo artigo, vamos aprender a medir o Turnover ou Rotatividade.

Perdeu o artigo anterior? Aproveite: RH: como está o seu?

 

feed Se você considera este artigo relevante, que tal enviar para um amigo ou parceiro de negócios? É uma ótima oportunidade para fortalecer sua rede de contatos. E não se esqueça, para receber as atualizações você pode assinar o Feed do Caminhando Junto, seguir pelo Twitter ou cadastrar seu e-mail, o serviço é totalmente gratuito.


Este artigo pertence ao Caminhando Junto Blog.
Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.