Reajuste das aposentadorias não resolve o problema

reajuste_aposentadoria O presidente Lula aprovou o reajuste de 7,72% nas aposentadorias de quem ganha mais do que o mínimo. Imediatamente, políticos de todos os partidos saíram batendo no peito de olho nas eleições, mas o quanto isto representa de verdade?

Mesmo com aumento de 7,72% para os aposentados que ganham mais de um salário mínimo, o ganho real (acima da inflação) desses beneficiários é bem menor do que o verificado para os aposentados que recebem o piso previdenciário (R$ 510). De acordo com dados da Previdência Social, em 16 anos, entre 1995 e 2010, os beneficiários que ganham um salário mínimo tiveram ganho real de 121%. Com o reajuste autorizado na terça, quem ganha acima do piso obteve aumento real de 27% no mesmo período.

O diretor financeiro da Confederação Brasileira dos Aposentados e Pensionistas, Nelson de Miranda Osório, fez as contas e desabafou “tem gente que aposentou com oito salários (R$ 4.080,00) e recebe quatro (R$ 2.040,00). É um assalto.”

Para dar um quadro mais amplo da situação, os números da Previdência Social revelam que 69,6% dos aposentados, isto é, 19 milhões de brasileiros recebem até um salário mínimo. Os que recebem mais do que 4 salários não chegam a 5%.

Faz tempo que venho dizendo que esperar que o Governo cuide de sua velhice é uma tremenda irresponsabilidade. Você deve se antecipar ao problema e fazer imediatamente um plano de previdência privada. Ou você prefere envelhecer protestando contra a desvolirização da aposentadoria?

Para entender como funciona a previdência privada, veja estes outros artigos:

Quem tem medo da aposentadoria?

Dicas importantes para a previdência privada

Qual destas mães se parece com você?

 

feed Para receber as atualizações é só assinar nosso Feed. O serviço é totalmente gratuito.


Este artigo pertence ao Caminhando Junto Blog.
Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.