Kopenhagen doa R$ 350 mil para construção de creche

A empresa doará ainda R$ 50mil para o asilo municipal, além de R$ 10 mil por mês para manutenção da creche
kopenhagen Em março deste ano foi iniciada a construção da creche do Jardim Nova Extrema II, próximo ao local da fábrica do Grupo CRM detentor das marcas Kopenhagen, Brasil Cacau e DanTop. O Grupo doou R$ 350mil para a construção que tem previsão de entrega em 12 meses, e além da edificação do prédio, a empresa ainda doará durante dez anos R$ 10mil por mês para a manutenção do centro educacional, que poderá abrigar até 300 crianças. O Grupo CRM ainda doará R$ 50mil para a edificação de um asilo municipal, totalizando um investimento de R$ 1,6 milhão em benefício à população.

Por meio de um projeto de lei, o terreno de 217 mil m², às margens da Rodovia Fernão Dias, na cidade de Extrema, Sul de Minas, foi doado pela prefeitura e, em contrapartida, a empresa comprometeu-se com investimentos sociais.
Após um longo processo de busca por um novo local para abrigar sua fábrica, os executivos escolheram a cidade mineira por estar a 90 quilômetros de São Paulo. Fernando Vichi, vice-presidente financeiro do Grupo, explica que, entre outros fatores, encontrou em Extrema, além da área suficientemente grande para comportar os objetivos da empresa, mão-de-obra qualificada, localização geográfica que privilegia a logística e variedade de fornecedores locais.
Hoje a fábrica conta com 900 colaboradores nas linhas Kopenhagen, Brasil Cacau e DanTop, ou seja, um importante canal de emprego para a mão-de-obra local. Para a construção do complexo fabril, compra de equipamentos e modernização de maquinário atual, foram investidos R$ 80 milhões e a expectativa de produção que antes era de 2.500 tonelada/ano, deverá saltar para 3.500 toneladas/ano. A perspectiva do Grupo CRM é que o faturamento de 2009 de R$ 170 milhões chegue em 2010 a R$ 200 milhões.
Extrema, Sul de Minas
Desde o anuncio da duplicação da rodovia Fernão Dias, o Sul de Minas passou a receber grandes indústrias, a cidade de Extrema leva a grande vantagem de ser a cidade mais próxima de São Paulo em outro estado o que favorece a guerra fiscal e garante gordos incetivos às empresas. Além disto, elas chegam atraídas por um ambiente sem sindicatos fortes, mão-de-obra barata e a inexistência de diversos custos operacionais.
Entretanto, encontrar profissionais tem sido uma luta diária para os RHs e as empresas de contratação. Algumas empresas tiveram que contratar moradores de cidades distantes até 60 km e investir no fretamento de ônibus. O leilão de funcionários estratégicos também vem ganhando força, o que indica que a situação já está num gargalo e exige tanto um planejamento regional para atender aos investimentos, quanto das empresas em rever suas políticas de RH
 
Conheça outros investimentos feitos no Sul de Minas:

feed Para receber as atualizações é só assinar nosso Feed. O serviço é totalmente gratuito.


Este artigo pertence ao Caminhando Junto Blog.
Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.