Como vender para outras empresas na internet

Em 2009 o comercio eletrônico vendeu um total de R$ 10,6 bilhões, crescimento de 30% em relação à 2008, segundo números da e-bit, empresa especializada no monitoramento do setor. Os resultados surpreendem, mas nem tanto, a cada dia mais empresas entram na venda pela internet oferecendo sistemas mais simples e seguros para o consumidor, que também vem aprendendo a utilizar de forma segura as vantagens da web.

Seguindo este caminho é natural que as empresas também busquem um espaço para negócios entre si, estejam elas onde estiverem. Pois o SEBRAE pensou nisto e criou o Bolsa de Negócios, um site onde o empresário se cadastra e simula uma roda de negócios virtual.

O processo é simples, ágil, sem custos e com um alto poder de gerar negócios. O primeiro passo é fazer o cadastro, em seguida, você define o que deseja anunciar. Aqui cabe uma dica importante, como é possível fazer quantos anúncios desejar, é melhor fazer um para cada tipo de produto comercializado ao invés de fazer um único anuncio confuso e carregado de informação.

O texto tem que ser atraente, objetivo e claro. Para que qualquer interessado consiga captar sua mensagem. São anunciados produtos e serviços e formulário vai orientando o preenchimento. Também é possível colocar uma imagem relacionada à oferta ou mesmo o logo da empresa.

Após o preenchimento você confere o anuncio, veja se o texto está correto, as informações de contato e tudo mais, então é publicar. Outro detalhe importante é que o sistema irá cruzar a sua oferta com a demanda de alguém, isto será feito através de tags que devem ser bem escolhidas. Por exemplo, ao ofertar planos de saúde, as tags podem ser: planos de saúde, saúde, seguro saúde. Na hora o sistema informa qual o volume de negócios que podem ser gerados com o anuncio.

Você também pode cadastrar suas demandas, ou seja, o que é utilizado na sua empresa: uniformes, material de escritório, embalagens, manutenção, etc. Assim, quem ofertou estes produtos e serviços vai chegar ter sua chance de fazer um bom negócio.

Mais do que gerar boas vendas, o Bolsa de Negócios tem o objetivo de ampliar parcerias, fortalecer a presença das pequenas empresas e aumentar a rede de relacionamentos. Então, mãos à obra, ok?

 


Este artigo pertence ao Caminhando Junto Blog.
Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.