Governo federal: 15 licitações para agências de publicidade

Desde o ano passado o Governo Federal vem investindo maciçamente em publicidade e a aproximação das eleições vai manter o ritmo do investimento em alta. Ideologias à parte, a questão é que se abre um grande mercado para as agências de publicidade. Veja o que vem por ai:

O Governo federal vai promover e concluir neste ano 15 licitações, das quais até o momento apenas cinco já tem editais totalizando R$ 432,8 milhões em contratos já definidos. Os únicos deles já publicados são os da Amazonas Distribuidora de Energia que receberá as propostas no dia 22 de fevereiro para a escolha de uma agencia com verba de R$ 5,8 milhões, e o da Agência Brasileira de Promoção das Exportações e Investimentos (Apex) que recebe propostas no próximo dia 12 para uma verba de R$ 15 milhões.

Dos processos iniciados no ano passado, o principal que falta ser concluído é o da Petrobras que escolherá três agencias entre 18 habilitadas para uma verba de R$ 250 milhões. O ministério da Cultura deve anunciar este mês a vencedora da sua licitação de R$ 14 milhões.

Os outros que aguardam publicação são o Ministério da Saúde com R$ 115 milhões, o do Trabalho com R$ 18 milhões e o do Desenvolvimento Social com R$ 15 milhões. Por conta das restrições da legislação eleitoral, o governo só poderá fazer campanhas institucionais até 4 de julho, três meses antes do primeiro turno das eleições marcadas para 3 de outubro. A ordem da Secretaria de Comunicação da Presidência é que todas as veiculações cessem em 30 de junho.

No ano passado, foram concluídas 18 licitações federais com contratos no total de R$ 895 milhões.

 

 

 


Este artigo pertence ao Caminhando Junto Blog.
Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.