COP 15 deixa claro a crise de liderança no mundo

A COP 15 terminou deixando um sabor rançoso na boca. Às vesperas do Natal o mundo esperava ansiosamente por um presente melhor. Um presente com tom de responsabilidade, de coragem e de liderança. É indiscutível a incapacidade dos líderes políticos globais de colocarem os interesses corporativos em segundo plano, por mais absurdo que pareça, os prejuízos causados com a desertificação de terras cultivaveis, a destruição trazida pelas enchentes e furacões, nada disso sensibilizou os presentes em Kopenhagen.
Me sinto envergonhado e decepcionado ao explicar para minha filha que aqueles sujeitos não foram capazes de pensar em seus próprios netos. Não conseguiram entender que o planeta já foi sugado demais. Não conseguiram tomar uma decisão que um grande líder tomaria.
Até quando nosso desejo de consumir vai falar mais alto? Até quando a ânsia por lucro será a razão de tudo?
Nossas ruas não comportam mais carros, nossos rios não comportam mais esgotos, nosso ar não tolera mais tantos poluentes. Nossas vidas não toleram mais tanto descaso.
Espero que 2010 traga mais bom senso e coragem aos líderes mundiais.

Este artigo pertence ao Caminhando Junto Blog.
Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.