Anjos rebeldes da mpb – Anos 70

Eles viveram pouco diante dos padrões brasileiros mas foi suficiente para causar rebuliço e criar belas obras da MPB. Estou falando de artistas como Raul Seixas, Cazuza, Renato Russo e Tim Maia que pregaram uma espécie de rebeldia inconseqüente e ficaram conhecidos também por sua doçura. Então resolvi escrever fatos pitorescos da vida desses quatro artistas para que nós seres humanos comuns possa entender a magia de acabar com a vida aos poucos e se tornar eterno.

55 anos

Falando de um dos inventores do soul no país, o síndico Tim Maia que teve graves problemas com vícios. Chegava a beber três garrafas de uísque por dia, além do uso de maconha e cocaína. Um dos casos mais interessantes da sua rebeldia foi o atraso de três horas para um show no clube Noites Cariocas; isto porque ele queria receber o cachê em espécie para cantar, e, mesmo após ter seu desejo atendido, recusou-se a pegar o bondinho por medo de altura. Ele morou nos EUA entre 1959 e 1963, até ser preso por posse de drogas e deportado.Após voltar chegou a ser preso outra vez pelo furto de uma mesa e passou 11 meses preso no Rio de Janeiro. Morreu aos 55 anos e com 140 quilos, após internação hospitalar devido a uma infecção generalizada. Mas ele ensinou Roberto e Erasmo a tocar violão e gravou seu primeiro disco em 1970 por indicação da banda Mutantes.Ele compôs pérolas como “Azul da Cor do Mar”, “Gostava tanto de você” , “Primavera” e “Você”.

44 anos

Outro maluco beleza foi mais fundo e mais cedo. Raul Seixas só fez sucesso nos anos 70 quando “dispinguelou” numa expressão bem mineira se me permitem. Nesse época, fez parceria com o escritor Paulo Coelho e lançou músicas que viraram grandes HITS e clássicos, como: “Metamorfose Ambulante” e “Ouro de Tolo”. No ano de 1974, por divulgar a Sociedade Alternativa, com o mesmo Paulo Coelho nas suas apresentações, acabou sendo preso pelo DOPS e exilado nos EUA. No entanto, o sucesso do seu LP Gita e do mesmo nome vendeu 600.000 cópias e ele retornou ao país. Tinha as portas fechadas por conta do seu consumo excessivo de álcool e constantes internações para desintoxicação. Ele transmitia mensagens como uma espécie de guru e fazia questionamentos profundos e de forma singela e simples do amor, da vida e do universo. Raul Seixas faleceu no dia 21 de agosto de 1989, aos 44 anos.

Na próxima semana, vou escrever sobre Cazuza e Renato Russo, anjos rebeldes dos anos 80. Dispinguelar: Cair da pinguela, espécie de ponte, sair do trilho, pirar geral.


Este artigo pertence ao Caminhando Junto Blog.
Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.